17 de mar de 2012

Rotas dos Vinhos da França

Rotas de Vinhos da França



Degustação, descoberta de caves, descoberta de vinhedos, charmosos chambre d'hôtes...

O turismo vinícola nada mais é do que seguir uma das "routes des vins", rotas dos vinhos, que existe em várias regiões da França, e se tornaram um dos destinos favoritos de quem visita o país.

Na primavera, os campos estão cobertos de flores, no verão, o sol faz as uvas brilharem, no outono é a época da colheita, no inverno as videiras são aparadas, sem folhas e, às vezes, cobertas de neve.









Vinhedo no verão


Vinhedo no inverno

Há várias maneiras de viajar para as regiões vinícolas da França: de trem, (Viajar de Trem pela França) de carro, de ônibus (mais restrita por causa dos horários), de barco ou até de bicicleta. A França oferece aos amantes da enologia, a possibilidade de percorrer 17 rotas dos vinhos diferentesna  Alsácia, Champagne,  Borgogne, Savoie, Aquitânia, Córsega, Provença, Poitou-Charente, etc.

As seis videiras mais cultivadas e mais comercializadas no mundo (Merlot, Cabernet Sauvignon, Syrah, Pinot, Sauvignon et Chardonnay) são todas procedentes dos vinhedos franceses.



É possível também participar das colheitas e até ganhar um pouco de dinheiro.... (ver Vendanges)

A escolha da Região determina a escolha dos vinhedos. Cada região é distinta em sabor, especialidades gastronômicas, paisagens e em personalidade.




Rota de vinhos da Alsácia







Mais próxima da Alemanha e da Áustria do que do resto da França, o vinhedo da Alsácia se beneficia de um clima excepcional que explica a grande reputação dos seus vinhos brancos.
 
Na Alsácia, a Rota dos Vinhos é a mais antiga da França. Se estende por 170km e atravessa uma paisagem de cartão postal: ruínas de castelos da Idade-Média, aldeias floridas, abadias romanas, vinhedos ondulantes....

Não deixe de encontrar os viticultores, degustar os seus vinhos (com moderação) e visitar as aldeias.












Rota de Vinhos de Bordeaux



Os 120.000 hectares de vinhedo Bordelais não contam menos de cinco estradas vinhos:

A região de Médoc, que detem mais prestigiosa "Grandes Crus(colheitas) Classificados" de Bordeaux, bem como Crus Bourgeois;

A região de Blaye e de Bourg combina prazeres do vinho e o patrimônio com igrejas romanas e sítios arqueológicos;

Saint-Emilion, situado na margem direita do Garonne, é classificado como Patrimônio Mundial da UNESCO;

Entre-Deux-Mers é a maior região vitícola Bordelais;

A região Graves se estende até Landes e constitui mais antiga a região vitícola Bordelais.

A Rota dos Chateaux que atravessa o Médoc é uma das mais bonitas. Agrupa alguns crus mais prestigiosos de vinhos tintos e numerosos castelo. Alguns kms depois de Blanquefort, a estrada contorna o rio Gironde e entra no domínio do Margaux, com o famoso Chateau Margaux. Prosseguindo para o norte, a estrada passa por Saint-Julien. De Latour à Lafite Rothschild, os nomes são gloriosos. A estrada continua para Saint-Estèphe, com o Castelo Montrose. Cerca de trinta km ao norte, a estrada n°2 junta-se à RN 125, que volta para Bordeaux.  







Rota de Vinhos da Bourgogne



O vinhedo da Bourgogne compõe-se das várias regiões vitícolas: Chablis e Yonne; a Cote d'Or; a Hautes Côtes;a Côte Chalonnaise; o Mâconnais; o Beaujolais.

A estrada dos grandes crus da Borgogne, também chamada de "Champs-Elysées de Bourgogne" é um magnífico percurso de mais de 60 km do Norte para o Sul na região da Cote d'Or.



A primeira etapa é Marsannay, depois, em direção ao sul, está Gevrey-Chambertin, que reagrupa 9 dos 16 grands crus da Côte d'Or. A segunda etapa da rota dos grandes crus é Côte de Beaune. Descendo um pouco em direção a Châlon-sur-Saone, estão as vinhas de Pommard, de Volnay e de Meursault,que encorajam a seguir a estrada até Santenay.






Rota dos Vinhos Champagne

Foi no século XVII que a Champanhe foi desenvolvida por monges. Desde então, se tornou o vinho mais prestigiado do mundo.

É protegida pela sua apelação, que é uma das mais antigas da França.  É composta de quatro zonas distintas: Montagne de Reims, Vallée de la Marne, Côte des Blancs e Côte des Bar.

A rota turística mais visitada concentra-se na Côte des Bar e liga Bar-sur-Aube à Bar-sur-Seine no departamento de Aube. Atravessa uma quinzena de aldeias, por 220 Km. As placas "Point accueil" assinalam os viticultores distinguidos por um júri de profissionais de turismo.




Rota de Vinhos do Vale do Loire

Se trata de uma das mais belas rotas de vinhos da França. O itinerário começa em Mesland, com vinhedos classificados AOC desde 1939. Produz sobretudo o Pineau blanc, o Chardonnay e o Sauvignon.

Vouvray, deu o seu nome a um dos vinhos mais famosos. 

Atravessando o Loire chega-se a Montlouis aonde o vinhedo se estende entre os rios Loire e o Cher, e produz unicamente o Pineau blanc. 

Contornando a margem esquerda do Loire chegamos em Azay-le-Rideau, que possui um vinhedo classificado AOC, que produz rosé de grolleau. 



Atravessando outra vez o Loire, chega-se a Bourgueil e a Saint-Nicolas-de-Bourgueil. Ambas produzem os vinhos tintos cabernet franc. A Rota termina na antiga cidade de Chinon. A lenda conta que o vinho de Chinon era o vinho preferido de Rabelais













Rota dos Vinhos da Provence


Muito vasto, o vinhedo provençal se estende pelos departamentos do Var e Bouches-du-Rhône. É conhecido pelos seus rosés.

Agrupa oito AOC (Denominação de origem controlada) das quais três grandes fazem parte da Rota dos vinhos:

Coteaux d'Aix en Provence 3.500 hectares. Pode-se provar ao mesmo tempo rosés, tintos e brancos;

Côtes de Provence é a denominação mais vasta da região. É  melhor explorar a zona concentrando-se, na região de Hyères, no golfo de Saint-Tropez, em Luc et les Bessillons, Fréjus e em Draguignan. Pode-se degustar tintos, rosés e brancos;

Coteaux varois (Situdo entre Coteaux d'Aix e Côtes de Provence), concentra 28 cidades e cobre um território de 1.700 hectares. Produz vinhos tintos e rosés. 






Rota dos Vinhos na Córsega



A Córsega se beneficia de um clima muito favorável à vinha, que está presente na ilha desde a Antiguidade. O vinhedo conta hoje com quase 7.000 hectares, e compreende nove AOC.

Pode-se seguir um itinerário que corresponde às áreas de apelação ao longo do litoral.

Partir do Norte das coteaux du Cap Corse, e passar por Bástia. Descer em seguida a costa oriental, que constitui o coração do vinhedo corso. Uma parada em Porto-Vecchio, antes de bifurcar a Oeste à Figari. Subir até Sartène. Continuar até  Ajaccio, e subir ao noroeste da ilha para chegar a Calvi.

















Rota do Vinho de Côtes du Rhone


Côtes du Rhône ocupam um dos primeiros lugares em superfície entre as grandes regiões vinícolas francesas. O vinhedo se enraiza nas margens do Rhône, de Vienne até Avignon, se estende aos pés do Mont Ventoux, entre o Rhône, a Durance e Ouvèze. É nesta região que é produzido o Chateauneuf du Pape, um dos melhores crus de Côtes du Rhône. 







A Rota de Vinhos de Jura






O vinhedo de Jura, conta com 1.850 hectares e seis AOC, distingue-se pela sua diversidade e seus vinhos de caráter, dos quais o mais original é o vinho amarelo. Esta região vinícola apresenta características únicas na França, em especial devido à certas videiras como Poulsard e  Trousseau.

A rota se estende do norte ao sul, por quase 80 km, de Salins-les-Bains até Saint-Amour.















Rota de vinhos da Aquitaine


Nos 12.000 hectares os vinhedos agrupam 13 A.O.C. Os mais conhecidos são os Bergerac tintos, os Pécharmant e o famoso Monbazillac. 

Quatro circuitos são propostos. É na cidade de Bergerac que começa a rota dos vinhos. Ela mergulha os visitantes em um ambiente dos séculos XIV, XV e XVI. Deixando a cidade, magníficas paisagens vinícolas










Rota dos Vinhos de Midi-Pyrénées

As rotas de vinho de Gaillac não são traçadas como nas outras regiões, três terroirs distintos formam o vinhedo:

Les terrasses de la rive gauche - Se estende por 30 Km entre Florentin e Couffouleux, passando por Técou, Montans e Peyrole. Vinhos ricos, brancos suaves de grande qualidade.

Les coteaux de la rive droite - Essa vasta zona se extende de Castelnau-de-Lévis a Rabastens, passando por Labastide-de-Lévis, Gaillac, e Lisle-sur-Tarn. Brancos frutados e tintos finos.

Le plateau Cordais - Se estende sobre a parte norte do Gaillacois e produz toda a variedade de vinhos de Gaillac com uma proporção importante de vinhos brancos.








Rota dos Vinhos de Poitou-Charentes


Conhecida como a Rota do Cognac. A fabricação do conhaque remonta ao século XVII. Produto da dupla destilação de vinhos brancos, envelhece em barris de carvalho. Esta madeira de qualidade transfere ao Conhaque as suas propriedades naturais durante a maturação.

Le Cognac et la vigne (o conhaque e a vinha)
Saintes/Saint Jean d'Angely/ Burie/Cognac/Rouillac/ Aigre


Le Cognac et le fleuve (o conhaque e o rio)
Saintes/Cognac/Jarnac/ Châteauneuf-sur-Charente/ Angoulême




Le Cognac et la pierre (o conhaque e a pedra)
Saintes / Gémozac / Cognac / Segonzac / Blanzac 

Le Cognac et les traditions (o conhaque e as tradições)
Cognac / Matha / Neuvicq-le-Château






Rotas de Vinhos de Savoie





Entre Chambéry e Lyon, o vinhedo de Savoie se estende pelos departamentos de Ain, de Isère, Savoie e Haute-Savoie. Se destaca pelas suas videiras Roussette, Jacquère e Mondeuse. A produção refere-se essencialmente a vinhos brancos leves. Três circuitos a seguir: de Comble de Savoie, de Chautagne e Jongieux, e de Léman e Arves.

















Rota dos Vinhos de Languedoc


Entre as quinze denominações locais, encontram-se excelentes crus. É o caso das terras de Faugères, de Saint-Chinian e Minervois. Estes vinhedos, aos pés de Cévennes e da Montagne Noire, oferecem também magníficas paisagens.


Não existe uma "route des vins" propriamente dita nesta Região, mas um belo circuito leva de Faugères à Carcassone passando por magníficos vinhedos.

Continuando a rota na direção de Carcassone, chega-se ao vinhedo de Saint-Chinian, que fica ao redor das aldeias que produzem um dos maiores crus da Região. No limite de Saint-Chinian e de Minervois, os viticultores locais produzem um excelente muscat "petit grain".









Veja Também


Rotas da Lavanda
Vale do Loire
Vendanges
O Rio Loire
O Loire de Bicicleta
Doce França e Paris - Dicas de Viagem
Gares de Paris, RER, Transportes
Mapa Aeroporto Charles de Gaulle e Seus Terminais
Mapa Aeroporto Orly e Seus Terminais

Regiões e Departamentos da França
Região Provence-Alpes-Cote-d'Azur
Região Auvergne

Região Champagne Ardenne
Região Midi-Pyrénées
Região Alsace
Região Lorraine
Região Poitou-Charentes
Região Bretanha
Córsega

Paris para os Apaixonados

Sugestões de Hotéis em Paris
Um Passeio pela Paris Medieval
Paris Antes e Depois
A Exposição Universal de 1889 em Paris
Paris no Cinema

As Portas de Paris
As Margens do Sena
Canal St Martin
Paris à Noite
Reveillon em Paris
14 de Julho em Paris

Nuit Blanche Paris
Parques e Jardins de Paris
Paris Iluminada no Natal
Passagens Cobertas de Paris
Um Passeio pelo 5eme
Bairro da Bastille
Um passeio pelo 13éme Arrondissement
Les Halles, Chatelet et Beaubourg
Jardin du Luxembourg
Opéra e Madeleine
Chaillot e Trocadero
Tuileries
Tour Eiffel e Invalides
Saint Germain des Prés
Museus de Paris

Cemitérios de Paris
Bouquinistes, Brocantes, Mercados em Paris
Av. des Champs Elysées
Ile St Louis
Quartier Latin
Montmartre
Montparnasse
Marais
Igrejas de Paris
As Mais Belas Catedrais da França
Pontes de Paris
Ile de La Cité

Giverny
Versailles

Saint Malo
Cancale

Mont Saint Michel
Lourdes
Saint Jean Pied de Port
Caminho de Santiago na França

Culinária Francesa
Receitas
As Patisseries de Paris
Os Pães e as Boulangeries

Queijos

Vinhos
Restaurantes Românticos em Paris
Músicas Francesas

Saint Tropez
Saintes-Maries-de-la-Mer
Maria Madalena em Sainte Baume
 

Saudações
Pedindo Informações
Ao Telefone
Fazendo Compras
No Médico
Mais Frases Úteis
Tempo, Hora e Data

Amor e Paquera
No Trabalho
Datas Especiais, Mensagens de Aniversário e Natal
Viagem
Correspondência
Ditados Populares e Expressões em Francês
Conversando e Expressões em Francês
Expressões de Futebol 








2 comentários:

  1. ALADIM FREITAS JR22/3/12

    OK, foi um excelente roteiro geral, mas a partir da escolha de uma região, vc tem dicas de roteiros, datas, qual agência, etc???
    Obgdo,

    ResponderExcluir
  2. Olá Aladim,

    Na França tem uma agência que faz esses roteiros pelas rotas de vinhos por todas as regiões: http://www.francewinetouring.com/

    um abraço

    ResponderExcluir