6 de nov de 2010

Caminho de Santiago (St Jacques) na França

Caminho completo
Uma viagem de 800 km pelas trilhas da fé. Um exercício físico, (caminha-se em média de 20 a 30 km por dia), mental e espiritual.




O Caminho de Santiago (em francês Chemin de St Jacques), é uma das romarias mais tradicionais do catolicismo, atrai fiéis de todas as partes do mundo, há mais de 1.000 anos. É uma fase de reflexão interior e de descobertas a respeito de si mesmo.



" Viajar é a experiência de deixar de ser quem você se esforça para ser, e se transformar naquilo que você é " - Paulo Coelho. 

O destino é Santiago de Compostela, no norte da Espanha, aonde estão os restos mortais de São Tiago, um dos 12 apóstolos de Jesus.



Por volta do ano 800, um eremita seguiu uma chuva de estrelas (por isso o nome Compostella) e encontrou os despojos do apóstolo. Depois disso, o túmulo se tornou milagroso e chegar até ele, um caminho sagrado. 

Um dos responsáveis pelo interesse dos brasileiros pelo Caminho de Santiago foi Paulo Coelho, com seu "O Diário de um Mago", lançado em 1986, em que relata suas experiências místicas na rota dos peregrinos.



Os melhores meses para fazer o caminho são abril, maio, junho, setembro e outubro. Nos meses do verão europeu o caminho fica lotado e é mais difícil conseguir vagas nos albergues. A maioria dos peregrinos vai a pé, alguns de bicicleta.

O ideal é levar pouca bagagem. Todos levam a concha, carregada no peito ou pregada na mochila, que é a identificação do peregrino; e o cajado, indispensável para os longos estirões e aliviar o esforço das subidas.

Saint Jean Pied de Port
Alguns ítens necessários: capa de chuva, saco de dormir, lanterna, máquina fotográfica, calça, bermuda, camiseta, roupa íntima, meias, agasalho impermeável, chapéu ou boné, medicamentos, talheres plásticos, canivete, corda de nylon para varal, agulha, linha , toalha, sabonete, pasta de dente, escova de dente, fio dental, desodorante, pente, protetor solar.... 

O ponto de partida mais comum na França é Saint Jean Pied de Port (774 km de Santiago), a poucas milhas da fronteira espanhola, aos pés dos Pyrennées. 




Você pode escolher iniciar em um ponto mais próximo de Santiago, como Pamplona (706 quilômetros), Burgos (450 quilômetros) ou León (300 quilômetros), ou um lugar de partida mais distante, como Le Puy ou Paris.

Saint Jean Pied de Port
Não existe um lugar específico de saída, você escolhe aonde o seu Caminho começa.

Existem 4 caminhos históricos definidos desde o século XII: a Via Turonensis, com 1.448 km partindo da Tour Saint-jacques em Paris (62 dias de caminhada), a Via Lemovicensis , de 1.691 km desde a Basilique de Vézelay (70 dias de caminhada), a Via Podensis que é a mais frequentada e a mais antiga,  de 1.530 km partindo de Puy-en-Velay (62 dias de caminhada), e a Via Tolosana, partindo de Arles, com 1.588 km (62 dias de caminhada). 

Essas 4 vias se juntam em Puente la Reina, para formar o Camino Francés, única via para Santiago.


Saint Jean Pied de Port
No centro histórico de Saint-Jean Pied de Port, na Rue de la Citadelle, número 39, encontra-se o albergue de peregrinos.






O trecho de Saint-Jean-Pied-de-Port até Roncesvalles é o mais difícil de todos, e é o primeiro dia de caminhada.

São 27 quilômetros de subida constante e fatigante dos Pirineus e uma descida abrupta.

Não há em toda a rota um povoado onde você possa se abastecer de comida somente uma fonte rústica de água, um pouco depois da saída da cidade.


Se você pretende começar sua caminhada em Saint-Jean-Pied-de-Port, avalie antes as suas condições físicas.

Saia cedo, antes do sol raiar, bem alimentado (muito importante), água no cantil e um pouco de comida na mochila.


Não esqueça de verificar na véspera aonde você poderá tomar o café da manhã bem cedo antes de iniciar o trajeto.

Leve alguns chocolates e sanduíches, pois nenhum mercado estará aberto na hora que você partir. 


Na saída da cidade há dois itinerários possíveis (e devidamente sinalizados) até Roncesvalles: 

A Rota de Napoleão, também chamada de Port de Cize, utilizada pela grande maioria dos peregrinos, seguindo pela montanha por ramais asfaltados e belíssimas trilhas de pastores, sem passar por nenhum vilarejo. 

A Rota de Vancarlos, seguindo por estrada asfaltada na encosta da montanha, cruzando o povoado de Vancarlos que, embora pareça mais fácil que a primeira, é muito perigosa, pois a estrada só tem duas mãos e não possui acostamento, e a constante névoa dificulta a visão dos motoristas.


Por todo o Caminho estão as setas amarelas, que são sinalizações para guiar os peregrinos. Elas se encontram no chão, nos muros, nas pedras, nos troncos das árvores e nas fachadas de algumas residências. 


A "Credencial del Peregrino" é o documento que dá direito ao peregrino de pernoitar gratuitamente em albergues especiais, igrejas e monastérios ao longo de toda a rota. Nela, há várias lacunas em branco para serem carimbados nos albergues e monastérios, a fim de comprovar sua passagem.


Assim, quando chegar em Santiago, receberá a "Compostelana", um diploma escrito em latim, igual aos concedidos na Idade Média, coroando sua peregrinação.

Para ter direito ao diploma, é necessário percorrer ao menos os últimos 100 quilômetros a pé ou os últimos 200 de bicicleta. 


No Brasil a credencial pode ser obtida na Associação de Amigos e Confrades do Caminho de Santiago - Brasil, a primeira entidade de auxílio aos peregrinos na América Latina, bastando enviar (por carta ou fax) uma cópia da passagem aérea à Europa, ou então comparecendo pessoalmente a sua sede, munido da documentação. 

O documento é gratuito, sendo cobrado apenas o envio para sua cidade. Associação de Amigos e Confrades do Caminho de Santiago - Brasil. Rua França Pinto, 203, Vila Mariana, São Paulo-SP, 04016-131. Telefone: (11) 5549-6160. Mas você pode também obter essa credencial em Saint Jean Pied de Port, na Associação Francesa dos Amigos de Santiago.

Algumas Dicas: 

O calçado deve ser capaz de resistir à caminhada, e impermeável. Deve ser "amaciado" durante pelo menos dois meses antes. Ele deve ser um número maior, pois além dos pés terem a tendência de inchar, após algum tempo de caminhada você poderá estar usando duas meias e esparadrapos. 

As meias Foxriver, são confeccionadas com fio de poliester Coolmax, elastano, poliamida e algodão, que a mantem justa mas sem apertar, e os pés secos por mais tempo. 

Passar nos pés algum produto para diminuir o atrito, como vaselina, Vick Vaporub, ou polvilho antisséptico. Algumas pessoas colocam também gaze em torno dos pés, sob as meias, para se proteger das bolhas.

Ter força de vontade e saber dosar o esforço em função do tempo disponível , da idade e das possibilidades físicas .

O caminho está aberto a todas as pessoas , seja esta forte ou fraca, jovem ou idoso

Caminhar o quanto pode , não o quanto quer. Faça o seu caminho no seu ritmo. Caminhe com fé. Sempre! 

Algumas fotos foram tiradas por Jacky Trainson (mon chéri) durante o seu caminho em 2008, e outras nas nossas viagens a St Jean Pied de Port e a Santiago de Compostela.

Catedral de Santiago de Compostela, na Espanha


Mais Fotos de Santiago de Compostela










23 comentários:

  1. Anônimo16/7/11

    Olá Anna, td bem ??
    Pois então .... que beleza de comentário este casal fez (na postagem "culinária francesa") !!
    Continue assim, auxiliando no que for preciso. Isso é mto lindo !
    Eu tbm gosto de dividir o que sei, e o que posso !!
    Eu fiz meu caminho de Santiago da Via Tolosana, e cheguei em casa dia 4, segunda-feira.... ja estou com mta saudade, e voce tabém colaborou comigo em particular e no seu blog, eu aprendi mta coisa.
    Não tive problemas para chegar à Arles.
    Tbm viajo como mochileira, peregrina, e não posso dizer que entendo ou falo frances, mas estudei sozinha, e mesmo sem saber mta coisa, deu pra me comunicar, por vezes 2 vezes que lá estive.
    Desta vez, foram mais de 40 dias na França, e quase sem problemas, reservando albergues todos os dias pelo telefone.
    As pessoas dizem mesmo, assim como o casal que te enviou o comentário, que a gente tem muita coragem de caminhar por onde nao conhece, por trilhas, florestas, montanhas e bosques, numa viagem fantástica a cada dia, sem saber o que vai encontrar no proximo local.
    Isso é minha "cara", meu estilo de vida, adoro um pouco de aventura e improviso e cada dia é sempre pra frente, nunca tem volta.... todos os dias é diferente do outro.
    Tenho 58 anos, tbm estou quase na terceira idade ... rssss !!
    Ah, e lembra bem aquela frase que perguntei pra vc como se falava?
    PEDIR CARONA..... qquer coisa assim.... pois então .... foi a que mais usei !!
    Precisei de caronas e muitas, pq minha amiga não conseguia caminhar, mtas vezes com tendinite.
    Agradeço muitissimo sua ajuda !!
    Vc é linda por fora e por dentro !!
    Se precisar de mim pra qquer informação sobre os caminhos é só perguntar.
    bjos
    Jurema

    ResponderExcluir
  2. Me chamo Gilberto tenho 65 anos quero fazer o caminho em agosto ou setembro próximo preciso algumas informações como faço.

    ResponderExcluir
  3. Olá Gilberto,
    Que informações você quer? Talvez eu possa ajudar.
    Posso te adiantar que é melhor setembro pois agosto, geralmente faz muito calor.
    Quanto tempo vc dispõe para fazer o caminho?
    Um abraço,
    Anna

    ResponderExcluir
  4. Victor Lavoura 20/1/2014

    Oi....eu sou o Victor, tenho 69 anos e desde à 6 anos que faço o Caminho de Santiago. Fiz todo o Caminho Português De Santiago de Sul para Norte, o Central o Historico o do Litoral o de Oeste e o Françês. Presentemente estou a prepara para este ano o caminho que liga o Santuario de Lourdes ao Santuario de Fatima seguindo o Caminho do Norte para Santiago, Finistierra, Vigo, Caminha, Porto e Fatima......se alguem tiver na disposição de efectuar o caminho, podem me contactar para meu mail v.lavoura61@gmail.com ou no Facebook em Victor Lavoura....abraços de peregrino...

    ResponderExcluir
  5. Olá,
    Parabéns!
    Espero que você encontre um(a) companheiro(a) de viagem!
    Bom caminho!
    Um abraço
    Anna

    ResponderExcluir
  6. Olá Anna,
    Me chamo Luciane, estou me preparando para fazer o caminho no inicio de 2015, pretendo ir em fevereiro, mas estou em duvidas quanto ao tempo nesta época do ano, alguns dizem que o frio atrapalha demais e torna perigoso o caminho. Como tenho dificuldade de caminhar longas distâncias no calor, estou interessada em ir em uma época com o clima mais frio, mas tenho duvidas quanto a isso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Luciane,
      Fevereiro faz muito frio e tem poucos peregrinos, o que é realmente perigoso. Os meses com as temperaturas mais propícias para caminhadas são abril, maio até meados de junho (os dias são mais longos) ou a partir de 15 de setembro e outubro (só que os dias são mais curtos). Em abril e maio a temperatura é bem agradável e ainda não faz calor. Qualquer coisa, pode me escrever: annafrj55@gmail.com
      Um abraço

      Excluir
  7. Capaz que em setembro eu possa fazer essa caminha que já planejo
    faz longo tempo.
    E agora Anna com tuas orientações,fica mais fácil, realizar essa empreitada.

    Que fotos lindissimas,um regalo aos olhos,nossa!
    Cda ruazinha pitoresca, aquela da ponte e do chafariz
    estão um encanto.

    Hoje estou meui atarefada,mas virei outra vez para fazer calmamente
    uma releitura e apontar uns tópicos que são interessantes por demais.

    Desde já grata por mais uma ´partilha formidável.

    Bem raramente costumo fazer pedidos,mas hoje
    temos uma publicação especial no Refúgio
    que é uma entrevista com o Professor e Jornalista
    Expedito,nosso amigo do diHITT também
    ficaria feliz com uma visita tua por lá.

    Meu abraço carinhoso,tenha uma linda tarde.

    ResponderExcluir
  8. Anônimo20/4/14

    Olá, meu nome é Lúcia tenho 47 anos, vou fazer o caminho Santiago Francês desde Saint Jean Pied de Port. Já tenho os bilhetes de comboio desde Porto a Hendaye para o dia 20 de Maio de 2014. Vou sozinha, se alguém for nessa data, pode me contactar por mail: luciamapinto@gmail.com

    ResponderExcluir
  9. Nossa deve ser maravilhoso, principalmente espiritualmente! Abraços!

    ResponderExcluir
  10. Olá meu nome é Rosana e pretendo fazer o caminho em agosto pois, não tenho outra opção , estou com 51 anos e fora de forma.... Mas eu vou assim mesmo!!!! O que vc acha? Vou por madrid !!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Rosana,
      Agosto faz muito calor!
      Tente caminhar todos os dias de agora até a sua viagem para entrar um pouco no ritmo. São 577 km!
      Tente sempre andar perto de alguém, mas no seu ritmo. O importante é não forçar, e, se sentir que não dá, pegue um ônibus em alguma parte do trajeto.
      Qualquer coisa, pode me escrever: annafrj55@gmail.com
      Um abraço!

      Excluir
  11. Anônimo1/8/14

    Olá, pretendo fazer este percurso de Bike em setembro de 2015, se alguem quiser planejar junto?
    alessandrolamoglia@gmail.com

    ResponderExcluir
  12. Olá! Gostaria de saber tudo! Quanto tempo saindo de Paris, realizando o caminho a pé, quanto levar. Se no verão é tão prejudicial, pois moro em Salvador e 19 C me faz morrer de frio. Assisti o filme O Caminho e fiquei interessada e curiosa com a riqueza espiritual e de vida que pode ter. Meu projeto futuro. Eu vou!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carla
      Saindo de Paris é muito longe, geralmente as pessoas começam o Caminho em Puy en Vellay (Auvergne) ou em St. Jean Pied de Corps, na Aquitaine. Você pode ir de Paris até lá de trem.
      A melhor época é abril, maio e junho, depois é muito quente para andar!
      Para dormir nos gites de peregrinos (com a credencial), geralmente o preço é 4 ou 5 euros. Nos monastérios é de graça, e você dá quanto quiser. Em alguns gites você pode fazer a sua comida ou comer em algum pequeno restaurante perto. Tem o "Menu peregrino" que custa 4 ou 5 euros. Na hora do almoço, que geralmente você esá no meio de uma caminhada, você deve levar um sanduiche. Conte por dia no máximo, 20 euros.
      Lembre que deve fazer uma preparação antes. De Puy en Velay até Santiago de compostela, são uns 1.300 km. Geralmente os peregrinos fazem em 65 dias, mas depende de cada um, de quantos km aguenta andar por dia.
      Outras dúvidas, pode me escrever: annafrj55@gmailcom
      Um abraço!

      Excluir
  13. Anônimo15/11/15

    Estou vendo os comentarios e me animo muito, estou me preparando para o caminho, tenho 45 anos, meu nome é Luciana, pretendo ir em ago/set de 2016, mas se nao der continuo minha preparação, se puderem me dar dicas, fiquem a vontade meu e-mail é lgadbem@hotmail.com, um abraço.

    ResponderExcluir
  14. Olá Luciana
    Tenho uma amiga que fez o caminho mais de uma vez e chegou no final de outubro. Vou passar o seu email para ela.
    Um abraço,
    Anna

    ResponderExcluir
  15. Anônimo19/11/15

    Olá!!
    Sei que não é a melhor época, mas é o tempo que tenho!! Gostaria de fazer o caminho em Janeiro de 2016, procuro companhia! Meu nome é Carolina, sou de sp e tenho 28 anos! Se alguem tiver interesse, ficarei feliz!! meu email: carolina.marucco@hotmail.com
    Obrigada!!

    ResponderExcluir
  16. Boa tarde, Anna!
    Estamos pensando em fazer o caminho saindo de Madrid, em março ou meados de março, qual a sua opinião à respeito da temperatura?
    Agradeço sua atenção
    Márcia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola Marcia
      O ideal são os meses de abril e maio. Mas se vc so pode em março, tente fazer na segunda quinzena. Mesmo assim, vc deve pegar temperatura baixa pela manhã e à noite (em torno de 5 graus), tem que se agasalhar bem!
      Um abraço
      Anna

      Excluir
  17. Oi Pessoal
    Estou pensando em fazer um percurso que dure 15 dias pois é o tempo que terei disponível. qual a sugestão de percurso mais interessante?
    Possivelmente indo entre setembro e outubro.
    Dicas agradeço meu email ander.r567@gmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá
      Em 15 dias você pode fazer o trajeto de Leon até Santiago ou uma parte do Camino del Norte, de Oviedo até Santiago de Compostela. Ou ainda uma outra etapa do Caminho del Norte que passa pelo litoral, de Bilbao ou Santander até Oviedo.
      Mapa: http://www.chemins-compostelle.com/sites/all/modules/itineraire/carte.php?id=44
      Um abraço
      Anna

      Excluir
  18. Olá pessoal, meu nome é Gilberto, sou de Vila Velha-es, e irei repetir o caminho frances em setembro/2016

    ResponderExcluir