16 de fev de 2014

Duque e Duquesa de Windsor em Paris


O Rei que Abdicou por Amor




Eduard se tornou rei da Inglaterra na ocasião da morte de seu pai, em janeiro de 1936.  Alguns meses depois, anunciou que se casaria com Wallis Simpson, uma socialite americana divorciada já uma vez, e em processo do segundo divórcio.  




Isso causou um escândalo, uma crise constitucional.  A família real, com seus rígidos padrões de conduta na época, não a achava adequada para um príncipe herdeiro, o primeiro ministro e o governo britânico foram contra, alegaram que os súditos não aceitariam uma divorciada como rainha.  Além disso, a igreja proibia o casamento de divorciados com os ex cônjuges ainda vivos. 

Eduardo então decidiu abdicar, e o fez em 10 de dezembro de 1936. No dia seguinte, fez um comunicado à Nação, dizendo:  

"Eu achei impossível carregar o pesado fardo da responsabilidade e cumprir meus deveres como rei, como eu gostaria de fazer, sem a ajuda e o apoio da mulher que eu amo" 

Seu irmão Albert se tornou rei (George VI), e ele recebeu o título de Duque de Windsor. A filha de Albert,  Isabel (Elizabeth), se tornou a primeira na linha de sucessão.





Em 3 de junho de 1937, Eduardo se casou com a sua amada Wallis no Chateau de Candé, (fotos acima) em Monts, no Vale do Loire, na França. O rei George VI (seu irmão Albert), proibiu que qualquer membro da família real comparecesse à cerimônia.




Em Paris eles moraram (desde 1953) ao lado do Bois de Boulogne, em um palacete no número 4, Route du Champ d'Entrainement (foto acima), pagando um aluguel simbólico, e o governo francês os isentou de pagar imposto de renda.  

Nos anos 50 e 60, o casal dava grandes festas e viajavam muito. Adoravam a vida social, os cassinos, as viagens....




Outros endereços frequentados pelo casal em fins de semana ou férias de verão eram: Moulin de la Tuilerie (em Gif sur Yvette, a 22 km do centro de Paris) e o Chateau de la Croe, em Cap d'Antibes, na Riviera Francesa.


Le Moulin de la Tuilerie


Chateau de la Croe, na Riviera Francesa


A duquesa possuía uma magnífica coleção de jóias, no valor de 50 milhões de dólares. Uma das mais conhecidas, a pulseira de cruzes, aonde cada cruz representava um momento marcante do casal.



Edward morreu em casa, um mês antes de completar 78 anos.  A duquesa morreu 14 anos depois, em 24 de abril de 1986, e foi enterrada ao lado do marido, no cemitério real, na Inglaterra, em Frogmore, atrás do mausoléu da Rainha Victória e do príncipe Albert. O amor durou 36 anos.





Mapa de Bois de Boulogne em Paris






Mapa da cidade de Monts, aonde fica o Chateau de Candé








Veja também


Idéias para o Dia de Saint Valentin A Cidade de St Valentin na França
Paris à Noite
Viajar de Trem pela França
Regiões e Departamentos da França

Como se Vestem as Parisienses


Doce França e Paris - Dicas de Viagem




Um comentário:

  1. Anônimo26/7/16

    Adoro e sempre adorei esta história de amor.

    ResponderExcluir