21 de jan de 2015

Opéra e Madeleine


Quartiers Opera e Madeleine


Nestas grandes avenidas abertas pelo barão Haussmann, encontramos o que há de mais elegante e mais luxuoso. É um dos passeios preferidos dos turistas e também dos parisienses.


Estamos no meio da riqueza parisiense. Um puro prazer percorrê-la e se deixar deslumbrar!


Durante o dia, o agito é por conta do movimento de banqueiros, corretores, jornalistas e turistas. À noite, é por conta dos teatros, cinemas e dos cafés ao longo do Boulervard des Capucines.


Cafe de la Paix
Dizem que, se uma pessoa se sentar por um tempo no Café de la Paix, em frente à Opéra Garnier, verá o mundo inteiro passar.

Se você gosta de espectáculos, uma noite na Ópera Garnier ou uma peça na Comédie-Française, um concerto na Madeleine ou uma sessão em uma das numerosas salas de cinema…

 ... se prefere ir às compras, ficará encantada com o luxo na Place Vendôme, na Place de l'Opéra ou com as grandes lojas de vários andares, aonde se encontra o melhor da decoração e do vestuário.

Place Vendôme
Duas das melhores e mais sofisticadas lojas de alimentos de Paris ficam nesse bairro: a Fauchon e a Hédiard. 

Situada na margem direita do Sena, a área é muito bem servida em transportes , pois tem 19 estações de metrô situadas dentro e nos limites do seu território.


Em 1860 novas avenidas foram traçadas, entre as quais o Boulevard Haussmann. Numerosas ruas foram alargadas ou prolongadas. 

Cafés e restaurantes famosos instalaram-se e tornaram-se ponto de encontro de numerosos escritores, intelectuais, pintores (os irmãos Goncourt, Emile Zola, Gustave Flaubert, Paul Cézanne,…) é também o período da construção do Hotel Drouot , de numerosas lojas de artes e do teatro das Folies Bergère .


Os traços mais antigos da área estão nas passagens cobertas, galerias com teto de vidro (ver Passagens Cobertas de Paris ). Jean-Paul Gautier tem uma loja na Galeria Vivienne.


Opera de Paris Garnier - Place de l'Opera, 9eme arrondissement. Metrô Opera. Aberta todos os dias de 10:00 à 18:00. Fechada nos feriados.




Ela ocupa uma superfície de 11.000 m ² e um palco que comporta até 450 artistas. Para conhecer os programas de l' Ópera Garnier bem como da Opéra Bastille.

Pode-se visitar a grande escadaria, os foyers, o museu, o espaço de exposição temporária e a sala de espetáculos. Preços da visita em 2016: Adultos: 11 euros.


O Grand Foyer
Sua fachada foi inteiramente renovada em 2001. Esta construção é um exemplo perfeito da arquitetura do século XIX que esconde as suas estruturas de aço sob sua decoração. A construção se iniciou em 1862, e foi inaugurada em 1875. Tem uma mistura de materiais (pedra, mármore, e bronze) e de estilos (vai do clássico ao barroco).



A fachada é ricamente decorada, a escadaria monumental e o salão com tetos pintados por Chagall em 1964. Maria Callas e Rudolf Noureev fazem parte dos artistas que escreveram a história da ópera.

Para conter a pressão das águas e de infiltrações, foi construído nos subsolos da Ópera um lago subterrâneo. O subsolo foi o palco de dramas atrozes, os subterrâneos serviram de calabouços e de terríveis execuções.

O mistério deste lago, inspirou Gaston Leroux, em 1925 a escrever sua novela “O Fantasma da Ópera”.



Au Printemps
64, Boulevard Haussmann, 9eme arrondissement



Primeiro grande magasin de Paris, foi fundada em 1865. Há um prédio para artigos de casa, um para roupas masculinas e outro para roupas femininas e infantis.


Algumas da marcas oferecidas: Chanel, Christian Dior, Burberry, Gucci, Prada, Cartier, Boucheron e Bulgari . Para compras mais acessíveis: Diesel, Marc by Marc Jacobs, Sonia by Sonia Rykiel, Zadig & Voltaire, Sandro, Les Petites e Repetto. 

Já o paraíso das mulheres, um andar apenas de sapatos femininos, conta com são 50 marcas, algumas exclusivas, como Lanvin, Maison Martin Margiela, Michael Kors e Alexandre Birman.



Place de la Madeleine 

Foi construída em 1815, ao redor da igreja de La Madeleine e ganhou o mesmo nome. Muitas lojas especializadas em delícias como trufas, caviar, chocolates... Marcel Proust viveu no número 9.






Hédiard - 21, Place de la Madeleine, 8eme arrondissement 



Devido à qualidade dos seus produtos e pelos seus numerosos fornecedores renomados, a empresa adquiriu rapidamente uma notoriedade internacional.



Loja de alimentos sofisticados (geléias, chás, champanhe, doces, chocolates), caves de vinhos, restaurante e salão de chá.




Fundador em 1854 das lojas de produtos que levam o seu nome, Ferdinand Hédiard construiu a sua fortuna fazendo os parisienses descobrirem produtos exóticos (bananas, mangas…) . 

Ele começou aos pés da estátua de Louis XIV na Place des Victoires. Empurrando a sua charrete pelas ruas de Paris, fazia os transeuntes provarem as suas frutas tropicais.

Fauchon


Fauchon é uma empresa mundial de gastronomia de luxo. Foi fundada em 1886 por Auguste Fauchon. É conhecida como o supermercado dos milionários.



Galerie de la Madeleine


Construída em 1845, é uma passagem coberta entre o número 9 da Place de la Madeleine e o número 30 da Rue Boissy-d'Anglas. (ver Passagens Cobertas de Paris)




Folies Bergère

Metrô: Grands Boulevards ou Cadet







O cabaret das Folies Bergère é uma sala music-hall que, da Belle Époque ao fim dos Années folles simbolizou a vida parisiense, e continua hoje em dia a apresentar revistas de dança e espetáculos de variedades.
Seu auge foi de de 1890 a 1920.Foi construído como uma casa de ópera em 1869 e ganhou o nome “Folies Bergère” em 1872.















Musée Grévin



10, Boulevard Montmartre, 9eme arrondissement, Metrô Les Grands Boulevards. Museu de cera de Paris 



Hotel Drouot
9, rue Drouot, 9eme arrondissement. Metrô: Richilieu


Principal casa de leilões da França. Funciona desde 1858 e tem o nome do ajudante de ordens de Napoleão.



Galeries Lafayette
Bouleverd Haussmann 40, 9eme arrondissement


A loja principal é conhecida como Galeries Lafayette Haussmann e tem 7 andares. O complexo é formado por mais duas lojas: Lafayette Homme, de 4 andares, Lafayette Maison, de 5 andares.



Veja: A Cúpula das Galeries Lafayette






Veja também:


As Fontaines de Paris
Fotos Históricas de Paris
Curiosidades, Lendas e Mistérios de Paris
Um Passeio pela Paris Medieval
Paris Antes e Depois
A Exposição Universal de 1889 em Paris
Paris no Cinema
Amores Célebres na França
As Portas de Paris

As Margens do Sena
Canal St Martin
Paris à Noite
Reveillon em Paris
14 de Julho em Paris
Maratona de Paris
Nuit Blanche Paris
Parques e Jardins de Paris
Paris Iluminada no Natal
Ano Novo Chines em Paris

Passagens Cobertas de Paris
Um Passeio pelo 5eme
Bairro da Bastille
Um passeio pelo 13éme Arrondissement
Les Halles, Chatelet et Beaubourg
Jardin du Luxembourg
Opéra e Madeleine
Chaillot e Trocadero
Tuileries
Tour Eiffel e Invalides
Saint Germain des Prés
Museus de Paris

Cemitérios de Paris
Bouquinistes, Brocantes, Mercados em Paris
Av. des Champs Elysées
Ile St Louis
Quartier Latin
Montmartre
Montparnasse
Marais
Igrejas de Paris
As Mais Belas Catedrais da França
Pontes de Paris
Ile de La Cité

Giverny
Versailles

Vale do Loire
Tours
Plages de Debarquement
Saint Malo
Cancale

Mont Saint Michel

Lourdes
Caminho de Santiago na França
Saint Jean Pied de Port  











2 comentários:

  1. VERA ORAVEC15/3/14

    Oi Ana, Tentei, ontem, comprar bilhetes para a Tour Eiffel, pelo site, para o terceiro piso, por elevador e não consegui para nenhum dos dias que estarei em Paris, em abril. Quando eu chegar aí, sabes se nos locais de venda eu consigo?
    Obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vera, você pode comprar na hora, mas provavelmente, vai enfrentar uma fila enorme!
      Eu vi no site oficial, só tem opção para 4 de abril à noite e depois, só a partir do dia 19. Esses bilhetes à venda online terminam muito rápido! Tem que comprar com muita antecedência! Vou procurar saber para vc se tem outro site para comprar. Qualquer coisa, envio para o seu email.
      Bjs

      Excluir